segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Não sei porquê...

Numa manhã de Domingo, íamos os quatro calmamente passeando pela rua, sob um sol brilhante e umas gotas de chuva salpicadas aqui e ali, quando o T nos surpreende com um desabafo:

- Mãe, não sei porquê, mas sou tão feliz!

Eu e o meu mais-que-tudo olhámos um para o outro, e crescemos meio palmo de orgulho por sentirmos que estamos a desempenhar bem a nossa função.

Foi realmente um belo dia!

2 comentários:

kedma disse...

parabéns! Percebesse que você é uma ótima mãe pelos ótimos filhos que você demonstra que são! E que padastro de sorte rsrsrs

mãe de dois disse...

Obrigada kedma.